www.PecasdeCarros24.pt

2019-06-07 – Reportagem do 10º Encontro Grupo Motard Rodar Lento

Para veres todas as fotos, clica na imagem abaixo.

 

 

10º Encontro Grupo Motard Rodar Lento

7 a 9 de Junho – Catifarras, Cercal do Alentejo

 

Num fim de semana de algum calor diurno, frio de rachar à noite e vento, o Motard FM esteve a acompanhar pela primeira vez esta Festa Motociclista do Grupo Motard Rodar Lento (GMRL) em Catifarras a 4 kms do Cercal do Alentejo.

Foi um fim de semana que me fez recordar as concentrações de antigamente (muito antes de se chamarem “eventos”) por vários motivos. Estarmos literalmente no meio do campo, a comida feita de forma simples ali mesmo, pó, sol, uma sede convidativa, um local de pernoita simpático e um pequeno Staff.

Claro que foi sentido o “Zen” e a calma Alentejana da região.

Segundo apurei, esta festa motociclista já se realizou na vila de Cercal do Alentejo mas, como houve quem não gostasse do “barulho”, a Organização optou – e bem – por começar a fazer a festa junto à sua sede. Continua a haver pessoas que não sabem o bem que um acontecimento destes pode fazer à economia local uma vez por ano. Pessoas essas que se queixam que “nunca há nada nesta terra”… Enfim, vá-se lá perceber…

O bom de tudo é que neste espaço, não se chateou ninguém e as pessoas desta pequena aldeia – Catifarras – até participaram na festa.

Os Membros do GMRL são poucos mas ao longo da existência do Grupo tem trabalhado efectiva e arduamente para melhorarem as condições da sua sede e viu-se que o espaço – uma antiga escola primária com mais do que 50 anos – é bastante acolhedor mas teve ali muito trabalho e despesas. Gente simples, simpática e humilde, acima de tudo!

O espaço dividia-se em várias partes. O estacionamento de motas, o primeiro nível com a pequena feira, palco e um bar “360 graus”, no segundo nível, as mesas das refeições e a cozinha. Por detrás da sede, um pequeno espaço para pernoitas. Não faltou sequer a cabine de duches e tivemos asseio.

As refeições satisfizeram e andaram entre a carne á portuguesa, porco no espeto, frango frito e bifanas.

Da festa em si, na sexta feira, tivemos uns momentos engraçados com o Setubalense / Torrejano Jorge Nice. Musica e histórias engraçadas fizeram animar os ainda poucos presentes. Seguiram-se os Alentejanos Estrelas do Covil com rock do bom.

No sábado, a tarde trouxe mais amigos à festa e um pequeno passeio com bênção de motas e capacetes na igreja do Cercal.

Tempo ainda para o jantar, entrega de prémios do pequeno bike show e lembranças. A noite de concertos foi iniciada com os Lizard King. Altamente recomendados para quem adora The Doors. Se fechássemos os olhos, era tal e qual. O concerto só pecou por ter sido um pouco extenso.

Seguiram-se os DÁCÁ. Aqui os fanáticos por AC/DC vibraram com versões muito bem tocadas da banda mítica! Na minha opinião, esta banda deveria ter sido a primeira a tocar.

Tempo ainda para os shows de strip – que até incluíram um anão – e que surpreenderam todos.

O recinto esteve muito bem composto nessa altura.

Já muito tarde mas ainda com público que estoicamente aguardou, tocaram os Big Up. reggae bem tocado e boas vibrações aos presentes.

Antes de dar os parabéns ao GMRL, queria só deixar aqui uma nota. Tivemos alturas em que os ráteres praticamente impediram as bandas de tocar em condições. Há local e tempo para tudo e cada um festeja da forma que quer, mas, o que é demais chateia. O “resto” fica na consciência de cada um e não é responsabilidade da Organização que tudo fez para se evitarem estas atitudes. O que deixa um travo amargo é haver pessoas que se acham “motards” e acham que tem que impor os seus “gostos” e atitudes aos Motociclistas que aí vão para curtir a festa e passar um bom fim de semana como foi o caso. O que me chateia é que há tantas motas que nos dão problemas e algumas que deviam rebentar o motor na hora… mas isto sou eu com os nervos…

Não foi isto suficiente para estragar minimamente a festa.

Parabéns amigos pela festa e por me terem dado a oportunidade de a conhecer! Foi bom, porra!

Pessoalmente, agradeço o convite da Organização nas pessoas do Carlos Ramos e Luis Nobre. Obrigado ainda à equipa da Solu pelas condições para o meu trabalho.

 

Texto e fotos

Raul Gomes

Motard FM 2019

(Podem ser livremente partilhas e usadas desde que mantenham a marca d’agua)

You must be logged in to post a comment Login

Comentários

%d bloggers like this: