2016-07-01 – Reportagem da 17ª Concentração do Grupo Motard de Quarteira

Quarteira capa

As FOTOS estão AQUI. Basta clicar AQUI para ver!

 

17ª Concentração do Grupo Motard de Quarteira

1 a 3 de Julho – Pinhal da praia do Cavalo Preto

 

Aviso! Vamos dar a conhecer uma festa e um local que se podem tornar muito viciantes e onde podemos sentir o tempo a passar rápido de mais… isto em pleno Algarve.

Quarteira é uma das freguesias do concelho de Loulé e talvez um dos destinos de férias mais calmos do Algarve. Perto de 2 kms de praias para todos os gostos e uma aposta forte no peixe e marisco como pontos fortes da gastronomia.

Foi a nossa primeira vez em animação/reportagem numa concentração no Algarve e que primeira vez… Depois de umas centenas de metros de estrada de pó de pedra, – o único ponto menos positivos – eis que chegámos ao local da festa. A cerca de 50 metros da praia do Cavalo Preto e num espaço onde abundavam os pinheiros mansos e que foram uma companhia fundamental para evitar o sol escaldante. Havia inclusivamente hipótese de meter as motas à sombra.

Lá dentro, um palco montado no ponto ideal, várias mesas e cadeiras espalhadas pelas diversas sombras, um bar central e outros pequenos espalhados pelo recinto. Uma pequena feira e sanitários portáteis que cumpriram a sua missão. Uma cozinha de campanha que assegurou as refeições do fim de semana e um acampamento com sombra onde se conseguiu descansar minimamente.

Dava gosto estar – por exemplo – no palco e ver o mar ali tão perto, sair do recinto e apreciar o calmo por do sol ou mesmo de madrugada ficar ali a ouvir o mar… relaxando.

O Grupo Motard de Quarteira (GMQ) já anda por cá há vários anos e em tempos esta era uma das grandes festas do Algarve. Agora, não é grande em tamanho nem em números de inscritos mas deixou-me a ideia de ser enorme em qualidade e – curiosamente – fez-me lembrar os velhos tempos das concentrações de há 17/18 anos em que não importava o local mas sim o que nos era oferecido e que nos cativava e fazia regressar no ano seguinte. 

Neste fim de semana, foi mesmo isso. Não esteve um mar de gente mas os amigos que vieram de vários pontos do país incluindo Norte e Centro forma consensuais em dizer que foram três excelentes dias.

O tempo também ajudou e muitos – tal como nós – foram até à praia quer na sexta, quer no sábado. Houve loucura da boa muito por “culpa” entre outros dos Poeras, Cheira-me os Fumos, Moto Clube de Moura e Rock On Wheels. Algumas imagens desta reportagem mostram bem o ambiente…

Em termos de comida, o GMQ apostou em frango, carne, sardinhas e carapaus grelhados. Também um saboroso frango de caril e sempre com fruta e salada. Com o calor que esteve, não havia cerveja que refrescasse…

Do “filme” destes três dias de romagem a Sul, na sexta feira depois do jantar tocaram os algarvios The Black Teddys. Gostei e quem lá esteve também. Depois do strip tease e de alguns momentos de loucura com o Motard FM e o DJ Pyro, tocaram os também algarvios The Bottles e parecia que tínhamos recuado quarenta e tal anos no tempo. Rock and Roll dos velhos tempos e com vestuário a rigor! A mim, agradaram.

A noite ainda se prolongou com o DJ Pyro mas muitos dos “residentes” queriam aproveitar a praia na manhã de sábado e não se “esticaram”.

Como se previa, o sábado foi dia de praia e só ao fim da tarde é que o recinto começou a encher. Não se notou que estivesse muita gente porque o espaço era bastante grande mas estiveram algumas centenas de pessoas entre visitantes e inscritos.

Depois do jantar, tocaram os UM. Um projecto curioso que incluía guitarra portuguesa, gaita de foles, saxofone e algumas versões de musicas conhecidas mas tocadas de forma original. Talvez um pouco calmo para a noite mas mesmo assim, muito bom.

Rock com força, foi com os DÁ/CÁ! Ouro sobre azul para os fanáticos por AC/DC. Até as semelhanças e roupa do guitarrista nos faziam pensar em Angus Young (só que não mais alto). Muito bom!

Pelo meio, divertidos strip’s mistos e o publico bastante animado. O DJ Pyro manteve os resistentes até mais tarde. Já agora, foi um prazer partilhar palco com este jovem e uma experiência nova para mim.

Na manhã de domingo, os presentes dividiram-se entre a praia e o pequeno passeio pela cidade e até à sede do GMQ. Depois do almoço, a entrega de prémios e lembranças numa altura em que todos se mostraram satisfeitos com o fim de semana vivido.

Só tenho pena que esta festa seja pouco conhecida pelos amigos daqui de cima… vale a pena descobrir este espaço e ter três dias de descanso/divertimento num belo local e onde somos bem recebidos e conhecemos caras novas.

Para o ano, arrisquem e confirmem. Nós queremos voltar!

Obrigado ao GMQ  na pessoa da Cristina, do Hélder e do Júlio pelo convite e pela oportunidade de conhecer e poder mostrar este belo espaço a mais pessoas.

Obrigado também à Equipa de som pelas condições e também ao DJ Pyro por esta experiência nova que gostava de repetir.

A Equipa do Motard FM viaja com a segurança dos CAPACETES CMS e a assistência da JOMOTOS – POMBAL.

 

Texto

Raul Gomes

Fotos

Silvana Grave

Motard FM 2016

geral@motardfm.org

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *