2017-10-06 Reportagem do 17º Convívio do grupo Motard Motores Endiabrados – Sabugal

Para as FOTOS / VÍDEOS, clica na imagem.

 

 

17º Convívio dos Motores Endiabrados

6 a 8 de Outubro – Sabugal

 

Não há muito mais a dizer sobre esta festa num fim de semana atípico de muito calor. Pode-se dizer que este foi um convívio “de Verão”… Noutros anos, tivemos frio extremo, chuva e vento mas este ano, fomos “brindados” com cerca de 30 graus de temperatura durante o dia e de madrugada, 8/10 graus.

Independentemente disso, todas as expectativas foram excedidas. As inscrições atingiram as 300 e o número de visitantes foi difícil de contabilizar. O espaço foi pequeno para tanta mota e alguns carros.

Este ano, a Organização estava preparada para a chuva e mais uma vez vimos o espaço coberto ser aumentado e inclusivamente para as refeições. O estacionamento é que ficou pequeno para tanta mota.

Mais uma vez, a Equipa da organização não foi grande mas não deixou que nada faltasse. Continuamos a destacar as excelentes refeições que neste ano foram da chanfana até à massa à lavrador. No acampamento também tivemos melhoramentos. Mais espaço e cabinas de duche para ambos os sexos.

Havia inclusivamente cerveja preta para alegria de muitos (eu incluído).

Na inscrição, pagava-se 20 euros com direito a todas as refeições e as bebidas ficavam a 0,80 euro… uma verdadeira pechincha e como adicional, tivemos várias tábuas de queijo nas mesas após as refeições bem como vinho caseiro da região!

Este ano, a festa começou na quinta feira à noite com os amigos de mais perto. Quem lá esteve, já jantou e almoçou na sexta feira.

Oficialmente, a festa começou mesmo na sexta com a animação deste vosso criado que durou até às 5 da madrugada. Grande noite, digo eu e os amigos que me “aturaram”! Ah e que até “strip” incluiu… (obviamente que não colocamos todas as fotos…).

No sábado, a tradicional voltinha pela região ou até à vizinha Espanha e de tarde, o tradicional passeio com visita à sede dos Motores Endiabrados na Urgueira que incluiu lanche. No regresso, o já tradicional – e renhido – jogo da corda.

Uma excelente ideia teve a Organização porque, na tenda maior, apostou nos Trucks e no seu rock para quem não gostava de música mais popular que se ouvia dentro do salão. Eles tocaram e posso dizer que notei uma brilhante evolução destes rapazes com destaque para o alcance vocal do homem do microfone! Tiveram público, foram aplaudidos e curtiram.

Dentro do salão e depois do jantar, o Virgílio Faleiro tocou e pôs toda a gente a dançar com as teclas e as concertinas. Isto até altas horas da madrugada bastante fria.

Pelo meio, tivemos a entrega de prémios e lembranças aos Grupos presentes (cerca de 40) que vieram de vários pontos do país, Espanha e Reino Unido. Tempo ainda para um tímido e inesperado pedido de casamento e para uma surpresa ao Presidente Paulo.

Foram noites bastante animadas e um fim de semana que pareceu passar rápido demais mas que deixou muita vontade de regresso em 2018.

Parabéns à Organização que, apesar de não muito numerosa, conseguiu manter a qualidade elevada desta festa – supostamente – invernal. Se falhas houve – o que é perfeitamente normal –  não foram notadas.

Texto

Raul Gomes

Fotos e vídeos

Silvana Grave

Motard FM 2017

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *