2017-05-26 Reportagem do 7º Convívio dos Amigos Motards Longa Data (AMLD) – Loureiro, Oliveira de Azeméis

As FOTOS estão aqui (CLICA AQUI PARA VERES NOUTRA JANELA)

 

 

7º Convívio dos Amigos Motards Longa Data (AMLD)

26 a 28 de Maio – Loureiro, Oliveira de Azeméis

 

Este foi mais um fim de semana especial numa festa que também o é. Uma festa motociclista que se integra na perfeição numa festa religiosa de uma pequena vila do concelho de Oliveira de Azeméis.

Todos os anos, quarenta dias depois da Páscoa, ruma-se à festa de Nsa. Sra do Livramento. Como é óbvio, no nosso caso, ruma-se à festa dos AMLD.

Mais um ano em altas com muitos amigos presentes – apesar de haver muitos e bons eventos no mesmo fim de semana – e até o tempo ajudou.

A qualidade, boa comida e o bom acolhimento mantiveram-se e tivemos melhorias em alguns aspectos do recinto. Tudo estava preparado inclusivamente para o caso de chover no fim de semana.

Se é certo que a malta esteve meio calma na sexta feira, tudo se compensou largamente no resto do fim de semana. Só não houve as habituais “invasões de palco” como já era tradição nos outros anos. Mas a festa fez-se cá em baixo.

Na sexta feira, a banda que estava no cartaz não esteve presente por motivo de doença de um dos elementos e foi substituída pelos Art Music. Tocaram mas os presentes não estavam muito para ali virados e fez-se em vez disso o “culto” dos copos, animando-se assim a noite fresca.

No sábado, já com muitas “velhinhas” em exposição e mais amigos presentes, a casa compôs-se e a tarde foi passada – primeiro – numa pequena bênção dos capacetes que foi “carimbada” pela presença do nosso S. Rafael numa imagem que os AMLD ofereceram para ficar na pequena capela. Arrancámos para o passeio com paragem e recepção na Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis pelo Presidente Isidro Figueiredo. Perto de duas centenas de motas e motorizadas fizeram depois uma paragem na remodelada sede dos AMLD e houve um mini lanche.

De regresso, um simulacro de salvamento pelos BV de Oliveira de Azeméis e a animada aula de zumba.

Depois do jantar, tocaram os Sirilanka. Actuação competente e que agradou aos presentes. O curioso é que, antigamente, ia-se a um baile, dançava-se e não se olhava para o conjunto. Hoje em dia, vai-se a um baile, fica-se a olhar e ouvir a banda e não se dança. Foi o caso nesta noite.

Infelizmente só faltou a “invasão de palco”…

Entregaram-se as lembranças a perto de 30 Grupos representados e fez-se o sorteio.

Não houve strip – obviamente – mas a noite esteve animada. Houve ainda uma quente e reconfortante queimada galega e caldo verde.

Em resumo, uma boa festa dentro dos padrões de qualidade a que os AMLD já nos habituaram e que só me pareceu mais “calma” que nos anos anteriores. No entanto, caras novas apareceram a juntar aos “habitués” que aqui vem todos os anos e que vão continuar a vir sempre 40 dias a seguir à Páscoa.

Parabéns AMLD e venha a festa de 2018 mesmo com chuva e com “invasões de palco” que a malta quer é diversão e maluqueira saudável.

A Equipa do Motard FM viaja com a segurança dos CAPACETES CMS e a assistência técnica da JOMOTOS-POMBAL.

 

Texto

Raul Gomes

Fotos e vídeos

Silvana Grave

Motard FM 2017

Comentários

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *